quarta-feira, 2 de novembro de 2011

76/.../85 dias – começa o rescaldo.

P
assado o incêndio, o momento é de buscar soluções e adaptações a uma nova vida. Byra é realmente forte e tem superado suas fraquezas com valentia. Em casa, com mais desenvoltura, já abre mão da cadeira de rodas. Seus passos são lentos mas firmes, carregados de confiança e da certeza de que está no caminho certo. Os exames já apontam problemas mais direcionados que nos levam a aprender um pouco mais dessa fantástica profissão que é a medicina. A fratura de base de crânio gerou sintomas característicos como o hematoma ao redor dos olhos assim como a lesão constatada no nervo óptico, um aglomerado de 1 milhão de fibras que vai da retina ao cérebro e é o condutor dos estímulos para o cérebro.  A conseqüência direta é a redução de sua visão na vista esquerda. Os médicos afirmam que em geral estes tipos de fratura não requerem tratamento cirúrgico e tendem a curar-se sozinhas.  Além do problema oftalmológico, que se acrescenta ao ombro “esfacelado” e o joelho fraturado, a preocupação maior está na recuperação e na “arrumação” de sua memória.  A concussão cerebral, resultante do traumatismo craniano, provocou alterações neurológicas como desorientação e amnésia, principalmente para os eventos imediatamente antes ou logo após o acidente.   Aos poucos, as informações que passamos se aliam a momentos de lembranças que segundo ele, o ajudam a montar um “mosaico” desse tempo difícil. Já conversa com mais disposição e até reclama de estar proibido de fumar seu (fedorento) charuto e beber uns drinks com os amigos. De posse de sua inseparável agenda, Byra faz diversas ligações e dentre elas uma que muito lhe agradou. Sua Editora confirma o lançamento de seu novo livro para janeiro de 2012, o sexto, assim como cobrou os originais de um outro, já pronto, que em breve também estará nas prateleiras. Uma alegria para ele e para todos nós pois tudo indica que ele não vai parar e novos projetos virão. Parabéns meu irmão e contamos com isso e muito mais.
Hoje, 2 de novembro, 85 dias do acidente, Byra está em casa, recebe a visita dos amigos Betinho PQD, com Ana, e Tadeu, e  comemora, com muita alegria, os 27 anos de seu caçula Renato.  Parabéns Renato e curta seu pai ao seu lado, o maior dos presentes que poderia ganhar no dia de hoje. 

6 comentários:

Rose disse...

Amigos,

desejo que a adaptacao a "nova" vida do nosso Querido Byra, seja a melhor possível e no prazo que ele mesmo puder acompanhar.

A forca dos bons pensamentos, da calma que Byra, mesmo sem ter muita "certeza" de que ajuda, mas que ele deve ter, a forca para a Érika e toda a familia, as nossas preces, sao somados junto a medicina e os bons resultados conseguidos até agora, estao aparecendo e confirmando a corrente dos Amigos e do Alto para com o Byra.

Seguiremos juntos, na "forca" que lhe trouxe a primeira prece, continuando até os dias mais fáceis, que resultarao em agradecemos eternos a Deus!!

Beijos e muita harmonia para vc Byra, que está chegando de "marte", para junto dos Confrades nessa comemoracao do dia 11.11.11 e com certeza estará recheada de Amor, Carinho e Esperanca em dias bem mais agradaveis... juntos!!!

Boa festa para voces junto ao Byra...

Meu carinho de sempre
Roe

Beto PQD disse...

Zé...
Hoje, só hoje, não vou brigar com vc. rs
Ontem sentimos, eu e a patroa, que acabamos por ganhar um presentaço.
A consciência de que meu querido Byra tem um pai, um irmão e uma mulher ESPETACULARES.
E se não fosse o bastante, a quantidade e qualidade dos amigos.
Não que eu imaginasse outro cenário, mas a feliz constatação disto.
Esta é minha visão.
Vc sabe o que sinto por vc e seu irmão.
Saí de lá com a certeza de que meu querido amigo vai sair desta MUITO BEM.
Parabens Zé. Além de ser um cara do bem é um "puta" irmão.

Beijo p´ra todos.

Beto (pqd de outrora)

Reginaldo disse...

É bom saber das notícias, Zé.
Dê um abraço em Byra e diga que ele pode esquecer quase tudo, mas do Mengão, não.
Precisamos de suas defesas acaloradas contra a cachorrada, tricoletes e bacalhaus.

Reginaldo

Anônimo disse...

Reginaldo,

nós estamos LATINDO ferozmente
por total recuperação.

Abs.
Mario Neves

Anna disse...

Zé, só hj 10 de março de 2012 soube do acidente, confesso que li emocionada tuas postagens, um verdadeiro testemunho de fé, amor e coragem. Transmita por favor ao Byra um gd abraço meu e de meus filhos , estaremos sempre aqui torcendo por ele.
Um gd abraço, Ana

Anna disse...
Este comentário foi removido pelo autor.